MATÉRIAS | INFOROCHAS

IEMA reúne entidades para debater IN para licenciamento ambiental da mineração


O órgão, no entanto, não marcou prazo para divulgação das novas regras

Centrorochas, Sindirochas e representantes de empresas do setor de rochas ornamentais estiveram reunidos, nesta quarta-feira (10), com o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (IEMA). O encontro visou a análise e o conhecimento dos entendimentos do referido instituto quanto às propostas de adequação apresentadas durante a consulta pública relativa a Instrução Normativa (IN) para licenciamento ambiental da mineração. O encontro aconteceu na sede do órgão estadual, em Cariacica.

Entre as sugestões oferecidas, o IEMA acolheu algumas contribuições e ponderou outras. Outras ainda serão alvo de consulta jurídica pelo órgão que irá preparar a versão definitiva da IN. O órgão, no entanto, não marcou prazo para divulgação das novas regras.

Participaram da reunião, a superintendente do Centrorochas, Alessandra Bertolani; o executivo do Sindirochas, Celmo de Freitas; o assessor institucional da entidade, Rogério Ribeiro; o assessor ambiental, Rubens Pupin; o consultor jurídico e advogado especialista em questões ambientais, Victor Athayde, além de representantes de empresas do setor de rochas ornamentais.

 




FALE COM A REVISTA ROCHAS


Revista Rochas de Qualidade

EMC Editores Associados Ltda

Rua Aleixo Netto, 322 - Sala 703

Santa Lúcia, Vitória - Espírito Santo

CEP: 29056-100

Telefone: +55 27 3227 2772

 



Todos os direitos reservados a Revista Rochas | 2017

Conceitos e declarações emitidos por entrevistados e colaboradores não refletem, necessariamente, a opinião desta revista e de seus editores. “Rochas de Qualidade” não se responsabiliza pelos conteúdos de anúncios e informes publicitários. Nenhuma parte desta publicação pode ser em qualquer forma sem a expressa autorização da EMC-Editores Associados Ltda. Todos os direitos são reservados. Registrada no INPI e matriculada de acordo com a Lei de Imprensa. Não publica matérias redacionais pagas.