MATÉRIAS | INFOROCHAS

Dimensional passa a oferecer ao mercado piso elevado para áreas externas


O procedimento, que requer o piso calibrado, é o mesmo usado para colocação de piso elevado em espaços internos

A empresa Dimensional, especialista em ladrilhos de granito, está sempre inovando para satisfazer as necessidades mais exigentes do mercado. Um dos serviços que ganhou credibilidade e confiança dos clientes é o sistema de instalação de piso elevado em áreas externas, usando placas de granito, que oferecem uma maior durabilidade ao pavimento. O procedimento, que requer o piso calibrado, é o mesmo usado pela empresa para colocação de piso elevado em espaços internos.

O diretor comercial da empresa, Gilberto Azevedo Araújo, contou que, inicialmente, a produção do piso não contava com a técnica de calibragem, mas, aos poucos, foram aprimorando o processo para se ajustar aos mais diversos sistemas de piso elevado existentes no mercado. As espessuras vão de 12 mm até 30 mm, de acordo com o projeto.

Segundo Araújo, qualquer ambiente com contrapiso está apto a receber o piso elevado, sendo mais empregado em ambientes corporativos. “São instalados pedestais sobre o contrapiso, que podem variar em tamanho e material (plástico ou metálico). São aplicados os pisos sobre os pedestais. Em alguns casos, é utilizada uma placa entre os pedestais e os pisos. Essa placa também pode ser metálica ou plástica. Não há utilização de massa de assentamento. O piso é apoiado diretamente sobre os pedestais ou colado nas placas, conforme o sistema adotado”, explicou.

O piso elevado para exteriores, como em áreas de piscina, é drenante. A drenagem da água da chuva ou de lavagens de manutenção é feita pelo espaço entre as peças do piso. Com isso, ele seca rapidamente e evita o empoçamento. “Não é usado rejunte. O contrapiso faz a captação da água”, acrescentou. De forma geral, são utilizados granitos de tonalidades claras, como o Branco Siena, Dallas e Fortaleza.

As principais vantagens, em ambientes externos, são a facilidade na manutenção, rápida drenagem e o nivelamento dos pisos de forma descomplicada, com a regulação da altura dos pedestais. “A manutenção do que se instala debaixo de um piso elevado é simples. Basta retirar uma ou algumas peças com o auxílio de ventosas, fazer o reparo e recoloca-las, já que não tem argamassa. Não há quebra-quebra e nem sujeira.”

A Dimensional, situada em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, conta com diversas linhas de pisos, um para cada tipo de aplicação, como os padronizados 55x55, com espessura de 13 mm. Além da linha de calibrados, pisos antiderrapantes e multipisos. A empresa atua há nove anos e atende aos mercados interno e externo com pisos padronizados e sob medida.  

A empresa Dimensional, especialista em ladrilhos de granito, está sempre inovando para satisfazer as necessidades mais exigentes do mercado. Um dos serviços que ganhou credibilidade e confiança dos clientes é o sistema de instalação de piso elevado em áreas externas, usando placas de granito, que oferecem uma maior durabilidade ao pavimento. O procedimento, que requer o piso calibrado, é o mesmo usado pela empresa para colocação de piso elevado em espaços internos.

O diretor comercial da empresa, Gilberto Azevedo Araújo, contou que, inicialmente, a produção do piso não contava com a técnica de calibragem, mas, aos poucos, foram aprimorando o processo para se ajustar aos mais diversos sistemas de piso elevado existentes no mercado. As espessuras vão de 12 mm até 30 mm, de acordo com o projeto.

Segundo Araújo, qualquer ambiente com contrapiso está apto a receber o piso elevado, sendo mais empregado em ambientes corporativos. “São instalados pedestais sobre o contrapiso, que podem variar em tamanho e material (plástico ou metálico). São aplicados os pisos sobre os pedestais. Em alguns casos, é utilizada uma placa entre os pedestais e os pisos. Essa placa também pode ser metálica ou plástica. Não há utilização de massa de assentamento. O piso é apoiado diretamente sobre os pedestais ou colado nas placas, conforme o sistema adotado”, explicou.

O piso elevado para exteriores, como em áreas de piscina, é drenante. A drenagem da água da chuva ou de lavagens de manutenção é feita pelo espaço entre as peças do piso. Com isso, ele seca rapidamente e evita o empoçamento. “Não é usado rejunte. O contrapiso faz a captação da água”, acrescentou. De forma geral, são utilizados granitos de tonalidades claras, como o Branco Siena, Dallas e Fortaleza.

As principais vantagens, em ambientes externos, são a facilidade na manutenção, rápida drenagem e o nivelamento dos pisos de forma descomplicada, com a regulação da altura dos pedestais. “A manutenção do que se instala debaixo de um piso elevado é simples. Basta retirar uma ou algumas peças com o auxílio de ventosas, fazer o reparo e recoloca-las, já que não tem argamassa. Não há quebra-quebra e nem sujeira.”

A Dimensional, situada em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, conta com diversas linhas de pisos, um para cada tipo de aplicação, como os padronizados 55x55, com espessura de 13 mm. Além da linha de calibrados, pisos antiderrapantes e multipisos. A empresa atua há nove anos e atende aos mercados interno e externo com pisos padronizados e sob medida.  

 




FALE COM A REVISTA ROCHAS


Revista Rochas de Qualidade

EMC Editores Associados Ltda

Rua Aleixo Netto, 322 - Sala 703

Santa Lúcia, Vitória - Espírito Santo

CEP: 29056-100

Telefone: +55 27 3227 2772

 



Todos os direitos reservados a Revista Rochas | 2017

Conceitos e declarações emitidos por entrevistados e colaboradores não refletem, necessariamente, a opinião desta revista e de seus editores. “Rochas de Qualidade” não se responsabiliza pelos conteúdos de anúncios e informes publicitários. Nenhuma parte desta publicação pode ser em qualquer forma sem a expressa autorização da EMC-Editores Associados Ltda. Todos os direitos são reservados. Registrada no INPI e matriculada de acordo com a Lei de Imprensa. Não publica matérias redacionais pagas.