MATÉRIAS | INFOROCHAS

Alicante visa ampliar as filiais e fortalecer a marca no mercado brasileiro


A empresa comercializa uma grande variedade de materiais nacionais e importados, como mármores, granitos, limestones, travertinos, ônix e quartzitos

Fundada em 1995 no bairro Vila Guilherme, na cidade de São Paulo, a Alicante Comércio Importação e Exportação deu início às atividades importando mármores da Espanha e da Itália. Com a expansão do mercado brasileiro e o consequente aumento da demanda por materiais de revestimento, em 1998, houve a necessidade de transferir a matriz para um espaço maior, sendo instalada no bairro paulista Parque Novo Mundo, onde permanece até os dias atuais.

Seguindo o ritmo, foram abertos depósitos e pontos de vendas na cidade de São Paulo (zona sul e zona norte) e em Santa Bárbara D´Oeste (SP); Goiânia (GO); Curitiba (PR) e Cachoeiro de Itapemirim (ES). As unidades foram estrategicamente sediadas para melhor atender aos clientes de todo o Brasil, uma vez que a empresa é focada no mercado nacional.

“Oferecemos um grande número de soluções de qualidade em superfícies para atender às necessidades de projetos que demandam um alto padrão de qualidade, estética, tecnologia, desempenho e excelente relação custo e benefício. Além disso, temos serviço de pronta-entrega”, declarou o diretor José Roberto Codato que, juntamente com o sócio, Antônio Pedro Raimundo, comandam a Alicante.

A matriz e as filiais somam uma área de 7.500 m² de estocagem, com capacidade de aproximadamente 150.000 m². A Alicante comercializa uma grande variedade de materiais nacionais e importados, como mármores, granitos, limestones, travertinos, ônix e quartzitos. Também oferece materiais industrializados importados, das marcas Neolith®, Technistone®, Aglostone®, Aliquartzo®, Marmoglass e Nanoglass. Os importados procedem de países como a Espanha, Itália, Grécia, Turquia, China, República Tcheca, Índia, Palestina, ente outros.

 “Com visitas constantes às feiras internacionais e aos nossos fornecedores, percebemos uma movimentação da indústria para a fabricação de produtos industrializados de base mineral que viria a agregar valor ao portfólio, sem alterar o nosso core business, com uma ação B2B voltada aos processadores marmoristas”, declarou José Roberto.

No entanto, as pedras naturais são as mais comercializadas, devido ao alto número de especificações, com destaque para os Travertinos clássicos, o Crema Marfil e os mármores brancos originários da Itália e da Grécia.

A Alicante não possui planos de abrir depósitos. Porém, visa ampliar os seis existentes e fortalecer a sua presença nos mercados onde atua. “Para nós, tão importante quanto os clientes, são os fornecedores. Ao longo da nossa trajetória, desenvolvemos muitas parcerias que perduram até hoje. Essa relação construída com muita transparência, respeito, ética e compromisso foram fundamentais para o nosso crescimento e estabilidade durante os momentos mais difíceis da economia”, ressaltou.

A empresa conta com uma equipe de 70 colaboradores e investe em campanhas de incentivo com premiações e participação nos lucros, anualmente. Além disso, também desenvolve projetos em parceria com ONGs voltadas para capacitar jovens com necessidades especiais.

 

 




FALE COM A REVISTA ROCHAS


Revista Rochas de Qualidade

EMC Editores Associados Ltda

Rua Aleixo Netto, 322 - Sala 703

Santa Lúcia, Vitória - Espírito Santo

CEP: 29056-100

Telefone: +55 27 3227 2772

 



Todos os direitos reservados a Revista Rochas | 2017

Conceitos e declarações emitidos por entrevistados e colaboradores não refletem, necessariamente, a opinião desta revista e de seus editores. “Rochas de Qualidade” não se responsabiliza pelos conteúdos de anúncios e informes publicitários. Nenhuma parte desta publicação pode ser em qualquer forma sem a expressa autorização da EMC-Editores Associados Ltda. Todos os direitos são reservados. Registrada no INPI e matriculada de acordo com a Lei de Imprensa. Não publica matérias redacionais pagas.