MATÉRIAS | INFOROCHAS

Programa Bege Bahia Sustentável é apresentado em encontro no SENAI Cimatec


Foram apresentadas propostas para a reutilização dos estoques remanescentes não comercializáveis da lavra do Bege Bahia

Propostas para a reutilização dos estoques remanescentes não comercializáveis da lavra do Bege Bahia foram apresentadas no Encontro Bege Bahia Sustentável, realizado no SENAI Cimatec, no dia 28.09. O programa é desenvolvido em parceria pelo SENAI Cimatec e pelo Simagran (Sindicato das Indústrias de Mármores, Granitos e Similares do Estado da Bahia).

Participaram do evento o promotor de Justiça do Ministério Público Pablo Almeida, além de representantes da Prefeitura do Município de Ourolândia, Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Governo do Estado (SDE); Instituto Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema); entidades representativas do APL do Mármore Bege Bahia e Instituto Fábrica de Floresta.

Na oportunidade, o diretor adjunto de Tecnologia e Inovação do SENAI Cimatec, Luis Alberto Breda, apresentou projetos de soluções tecnológicas voltadas para a reutilização dos estoques remanescentes, transformando-os em produtos. As propostas incluem, por exemplo, soluções de reaproveitamento voltadas para o setor da construção civil e aplicação como corretivo para solo.

“Esses projetos precisam atender a dois requisitos principais, ter escala e viabilidade econômica”, pontua Breda. Ele também destaca um projeto de smart logistics, que prevê o encadeamento logístico para o aproveitamento do material de estoque remanescente. “A ideia é entender a demanda do mercado e a viabilidade para gerar produtos que venham a aproveitar estes estoques”, explica.

No encontro, foi apresentado, ainda, um projeto do Instituto Fábrica de Floresta, com foco na área socioambiental, que engloba ações de educação ambiental e capacitação para a produção e plantio de mudas e a restauração de áreas mineradas.

Os participantes também tiveram a oportunidade de conhecer as instalações do SENAI Cimatec.  Acompanhados pelo diretor adjunto de Tecnologia e Inovação, Luis Alberto Breda e pela gerente da Área de Construção Civil do SENAI CIMATEC, Túlia Ribeiro, eles conheceram alguns laboratórios, como os de Metrologia, de Transformação em Plásticos e o Centro Referência em Logística, além da Fábrica Modelo Brasil, onde foram apresentados práticas e conceitos fundamentados na metodologia Lean Manufacturing (Manufatura Enxuta), que busca a eliminação dos desperdícios na produção.

Fonte: FIEB

 

 

 

 

 




FALE COM A REVISTA ROCHAS


SÃO PAULO

EMC Editores Associados Ltda

Avenida Prestes Maia, 241 - conj. 3520

Santa Ifigênia - São Paulo - SP - 01031-902

Telefone: +55 11 3228 9290

Fax: +55 11 3229 7370

VITÓRIA

 EMC Editores Associados Ltda

Rua Aleixo Netto, 322 - sala 703

Santa Lúcia - Vitória - ES - 29056-100

Telefone: +55 27 3227 2772

 



Todos os direitos reservados a Revista Rochas | 2017

Conceitos e declarações emitidos por entrevistados e colaboradores não refletem, necessariamente, a opinião desta revista e de seus editores. “Rochas de Qualidade” não se responsabiliza pelos conteúdos de anúncios e informes publicitários. Nenhuma parte desta publicação pode ser em qualquer forma sem a expressa autorização da EMC-Editores Associados Ltda. Todos os direitos são reservados. Registrada no INPI e matriculada de acordo com a Lei de Imprensa. Não publica matérias redacionais pagas.